Tecnologia do Blogger.

30/10/2009

Trogloditas sociais


Vou pedir licensa a aqueles que lêem o blog para utilizar ele para outros fins.

Estava dando aula hoje por motivos técnicos não conseguí finalizar, e faltou apresentar esse material.

O tema da aula era “Fenômenos Grupais e Principais Teóricos” e a demonstração tem caráter acadêmico. Não estou aqui para julgar, analisar ou comentar sobre qualquer pessoa,mas uma vez que o fato se tornou público, posso utiizar ele em exemplificação em sala de aula.

Quando lidamos com fenômenos grupais sabemos da dinâmica implícita aí e todas as suas características (Lewin), assim como as características de grupos operativos (Picho Riviere) e Psicoterápicos.

Este vídeo serve para exemplificar o que enquanto grupos (ou multidões, e aí depende de analise dos componentes que fazem um grupo) há a possibilidade de se realizar atos antes não permitidos pelo Superego de uma maneira individual. Há uma “contaminação” em progressão geométrica. É possível perceber que muitos nem sequer sabem do que se trata ou do que está acontecendo, mas são incentivados a xingarem e participarem desse ato grotesco e primitivo. São situações assim que nos fazem analisar o motivo pelo qual grandes líderes mundiais conseguíram difundir idéias absurdas e monstruosas, pois contaram com essas questões grupais.

Não estou aqui para julgar a tal moça ou tecer comentários sobre ela, apesar de ter minha OPINIAO de de que existem certos códigos sociais que devam ser respeitados, especialmente em situaçoes específicas como essa. Acho que isso é apenas um reflexo do que o nosso Ensino Superior vêm se transformando. A comercialização do Ensino parece fazer parte já do ics coletivo,e ir para aula não é mais para aquisição e descoberta de conhecimentos, e sim, para uma festa ou evento (o qual a roupa estaria "apropriada"). Por isso brinquei no Twitter hoje dizendo que querendo ou não, existe sim um "código de vestimenta" social, que pode ser burlado sim as vezes, mas não em tal escalonamento. Brinquei que iria dar aulas de sunga, para implicar com aqueles que pregavam a tal "liberdade" de se vestir como quiserem. Bom..meus alunos que lerem aqui podem comprovar que infelizmente não fui de sunga, por tenho um superego...

O momento mágico de construção de conhecimento em sala de aula está dando lugar para outras pulsões, que não condizem com o local em questão. É como se as pessoas fossem a um shopping center para fazer uma novena.

Se a moça tem interesse em aparecer na Gimenez, posar na Sexy ou fazer filme das brasileirinhas, interessa somente a ela e a quem comprará seus produtos. Há espaço e mercado para todo tipo de produto. O que assusta no vídeo nao é ela, e sim, a reação dos que seriam estudantes do ensino superior, e não baderneiros em escolas, cheais de adolescentes rebeldes.

Segue o vídeo. Foram copias de sites e blogs, especialmente o da Rosana Hermann, chamado Querido Leitor. - http://blogs.r7.com/querido-leitor/

Isso, pra mim, só mostra o qual arcaico e pré-histórico estamos enquanto grupo social, que faz baderna, xinga uma pessoa pela sua vestimenta, incendeia ônibus e mesmo asism ainda se cala diante de roubalheiras e falcatruas políticas.

Life goes on...



4 comentários:

FaBiO FiScHeR disse...

O povo exagerou. Aquilo parecia uma caça às bruxas de Salem. Medíocre.

Nice Psissico disse...

caro amigo agora eu retiro meu comentarinho do twitter sobre machismo hehe adoro ler seu blog e me senti sua "aluna" lendo o texto.voltei no tempo...

Márcio disse...

Qual é seu ídolo? Seguidamente me deparo com essa pergunta e a resposta e sempre a mesma: Che Guevara e Vanessa da Mata... Ídolo de ideologia (estudada e pesquisada durante faculdade) e ídolo de sonoridade ( Vanessa praticamente escondeu meus ídolos músicas quando a conheci.. virou Diva). O ser humano é movido por identificações.. Basta ligar uma TV, ler um livro, ouvir um som que a gente logo se identifica.. Ai, eu entro com minha análise do seu texto, amigo manauara, no caso da 'roupa apropriada'.. Simples.. Quando uma pessoa tem acesso a meios fáceis de comunicação, ( e eu nem me limito a internet) a coisa muda de figura! No momento que vc pega um programa passando em rede nacional, as 21hs da noite de um domingo onde vc vê mulheres seminuas em um palco ou uma saia curta em um senado federal e uma conquista de ridicularização de um membro votado, a mente humana, por vezes não arraigada em uma conduta digamos, normal, pira um pouco a sua mente e entra em conflito com seus princípios.. O q falar dos BBB's da vida que mostram coxas grossas e uma calcinha visível em pleno programa de bela audiência passando em torno das 22hs?
Se a menina da Uniban, praticamente linchada pela hipocrisia e a falta de raciocínio primata de criaturas que se dizem seres humanos, foi vestida ‘inapropriadamente’ para uma sala de aula, não seria, simplesmente, um reflexo da sociedade e do que ela ingere como aceitável enquanto bastaria mudar o canal da TV? Ok, eu não vou na igreja de sunga, mas Jesus Cristo defendeu Maria Madalena....
Em resumo.. se todos fizessem uma análise de sua própria conduta, ninguém atiraria pedra em alguém..

Falei demais.. Mas é o que eu penso sobre isso tudo!

atomica_saver disse...

Gostei do seu post, como sempre... Sempre me questiono sobre a comercialização do ensino, afinal algo comercial busca mais pessoas que paguem por ele não importando com a qualificação. Enfim, esse vídeo serve de alerta. Não devemos procurar apenas por diplomas na parede e sim fazer uma busca mais minuciosa quando precisarmos de um profissional da área que for... Abs.

Postar um comentário

Escreva o que quiser, mas lembre-se que não sou um vaso sanitário :)

  ©Inconsciente Aberto - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo